Governo montará proposta de desoneração de smartphones até o final do mês - Asplan Sistemas

Governo montará proposta de desoneração de smartphones até o final do mês


Ministério das Comunicações trabalha com meta de redução de 25% nos preços dos celulares

O Ministério das Comunicações tem a meta de formular uma proposta para
desonerar os celulares inteligentes (smartphones) até o final deste mês,
segundo disse o líder interino da pasta Cezar Alvarez em entrevista ao R7.

Segundo ele, o movimento de desoneração aos celulares que contam com
acesso à internet é um movimento natural após os cortes nos impostos de
computadores e tablets. De acordo com Alvarez, que substitui
temporariamente Paulo Bernardo na chefia do ministério, o objetivo é
montar um ciclo virtuoso, onde a queda nos preços aumentariam o volume
de vendas, gerando maior acesso da população, mais empregos e até mesmo
mais arrecadação do governo.

A estimativa é que o preço para o consumidor caia em média 25%. A
garantia para chegar a essa redução seria por meio das regras normais de
mercado.

– Um fabricante que aproveite a oportunidade para reduzir o preço força os concorrentes a correrem atrás.

Ainda não está definido se todos os smartphones seriam afetados pela
medida ou se haveria um limite de preço. O ministro interino apenas
afirmou que vai garantir que os consumidores brasileiros tenham um
serviço de internet móvel “completa e de qualidade”.

– Os aplicativos hoje exigem celulares cada vez mais potentes. Vamos ter que ter um critério de qualidade.

O IPI (Imposto sobre Produto Industrializado) seria um dos impostos
reduzidos com a medida, que deve ter exigências de um determinado
percentual de componentes fabricados no Brasil.

Alvares não disse se a proposta tramitaria por meio de Medida
Provisória, como aconteceu com os tablets, mas disse que “tudo indica
que teria que ter um impacto rápido”. Por meio de uma Medida Provisória
assinada pela Presidência, a medida passa a valer de imediato, salvo que
os congressistas a derrubem.

Nesta manhã, o ministro da Ciência e Inovação, Aluízio Mercadante, disse
em entrevista ao programa de rádio Bom Dia Ministro que pretende
estimular a fabricação de chips e condutores no país, componentes
essências para os dispositivos móveis que se conectam à internet.

O Ministério das Comunicações estima que cerca de 15% dos celulares ativos no Brasil sejam smartphones.

Fonte: http://noticias.r7.com/tecnologia-e-ciencia/noticias/governo-montara-proposta-de-desoneracao-de-smartphones-ate-o-final-do-mes-20120105.html

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *