Você Sabe O Que é E Como Otimizar Cobrança Recorrente? Confira 4 Dicas!

Você sabe o que é e como otimizar cobrança recorrente? Confira 4 dicas!

Você sabe o que é e como otimizar cobrança recorrente? De forma simplificada, a cobrança recorrente pode ser descrita como uma alternativa para que os pagamentos de determinado produto ou serviço sejam realizados de forma periódica e automática. O método tem se popularizado bastante entre diferentes modelos de negócio, de clubes de assinatura, passando por empresas de SaaS a serviços de streaming.

Além de melhorar a taxa de retenção de clientes e modernizar os processos de cobrança da empresa, essa modalidade de pagamento reduz significativamente o índice de inadimplência. Isso porque os consumidores de seus serviços ou produtos não correrão o risco de esquecer de pagar a mensalidade/assinatura.

Nos próximos tópicos, você conferirá uma série de boas práticas sobre como otimizar a cobrança recorrente de seu negócio, com a finalidade de manter seus recebimentos sempre em dia. Continue a leitura do artigo para saber mais sobre o assunto!

1. Defina planos, mensalidades ou assinaturas

Como consta no próprio termo, cobrança recorrente está ligada a algum tipo de serviço ou produto que o cliente consumirá de forma constante, mês após mês. Sendo assim, é muito importante que sua estratégia comece pela organização dos processos que nortearão os pagamentos.

Planos, mensalidades ou assinaturas são ótimas formas de definir a periodicidade da cobrança, algo que facilita tanto a vida dos consumidores quanto a da própria empresa, que poderá fazer previsões orçamentárias com muito mais precisão. Para isso, é importante responder algumas perguntas que ajudarão a definir melhor a estratégia de cobrança recorrente adotada, como:

  • quando um cliente não pagar a mensalidade, qual será a cadência de notificações;
  • qual será o fluxo de cobrança;
  • qual procedimento será adotado em caso de inadimplência.

A partir dessas definições, você consegue determinar os procedimentos que devem ser seguidos à risca e organizadamente.

Se a empresa não tiver ações efetivas e claras sobre o que deve ser feito — caso um cliente deixe de pagar a mensalidade —, pode ter problemas relativos a sua gestão de cobrança. Isso abre uma grande margem para que o negócio tenha problemas financeiros em médio e longo prazo.

2. Estabeleça métricas para mensurar os resultados

Em tempos de transformação digital e processos operacionais automatizados, não contar com métricas para analisar os resultados da empresa é o equivalente moderno da expressão “dar um tiro no escuro”. É fundamental estabelecer os parâmetros adequados para acompanhar a evolução do negócio.

Somente dessa maneira será possível ter acesso a informações pertinentes ao desempenho da estratégia de cobrança recorrente adotada. As métricas de performance mostrarão quais pontos precisam ser ajustados para garantir a boa saúde financeira da empresa.

Além do mais, são ferramentas essenciais para que a tomada de decisão dos gestores seja fundamentada em dados consistentes, em vez de achismos ou intuição. Isso também ajudará a estruturar melhores promoções, estabelecer uma precificação justa, fazer investimentos promissores, entre outras questões.

Há diferentes métricas financeiras que podem ser aplicadas para acompanhar a cobrança recorrente, tais como:

  • taxa de cancelamento (taxa de churn);
  • ticket médio;
  • payback;
  • valor do ciclo de vida do cliente;
  • tempo de vida do cliente;
  • custo de aquisição por cliente (CAC).

3. Ofereça diferentes modalidades de pagamento

Uma das práticas para otimizar a cobrança recorrente que mais têm sido adotadas pelas empresas modernas é a diversificação dos meios de pagamento. Afinal, vivemos em tempos de conceitos como moedas digitais, bancos virtuais, PIX, entre outras tecnologias que estão inovando a relação entre o consumidor, as empresas e o dinheiro.

Por isso, é muito importante oferecer aos seus clientes diferentes possibilidades para que eles permaneçam adquirindo seus produtos ou serviços todos os meses. Embora o boleto bancário não seja a preferência principal da maioria das empresas — devido à impossibilidade de automatizar o pagamento recorrente —, é importante que essa alternativa também seja oferecida.

Já em relação ao cartão de crédito, para que o processo seja ainda mais eficiente, permita que suas mensalidades sejam assinadas por meio de diferentes bandeiras. Tem havido um crescimento exponencial no número de bancos virtuais, e isso está gerando um impacto direto nos meios de aquisição do consumidor ativo da era da transformação digital.

Lembrando que o recebimento pelo cartão de crédito facilita o controle de inadimplência, mas todas as possibilidades devem ser avaliadas para que sua empresa não corra o risco de excluir os clientes que preferem outros métodos de pagamento.

4. Contrate uma plataforma de cobrança recorrente

Para finalizarmos, é importante destacar que o uso de tecnologia é fundamental para que a estruturação de sua estratégia de cobrança recorrente se torne ainda mais eficiente. Existem ferramentas de gestão que permitem que o fluxo de pagamentos e cobranças seja completamente automatizado.

Dito isso, a plataforma da Asplan oferece uma vasta gama de recursos que permitirão ao seu negócio não somente fazer vendas avulsas, parceladas ou recorrentes, como também, usufruir de uma infinidade de benefícios provenientes da automação. Entre as funcionalidades indispensáveis que o software oferece, podemos citar:

  • cadastro de clientes;
  • acompanhamento do histórico de vendas em tempo real;
  • possibilidade de oferecer planos, assinaturas e mensalidades recorrentes com cobrança automática;
  • exportação de relatórios com métricas fundamentais para a tomada de decisões;
  • integração entre a ferramenta Asplan e outros sistemas, como plataformas de e-commerce;
  • proteção da empresa contra fraudes;
  • possibilidade de realizar estornos e conciliações de forma simples;
  • automação de toda a regra de cobrança.

Como você pôde ver neste conteúdo, a cobrança recorrente é uma metodologia que tem se tornado cada vez mais popular, devido à modernização dos processos de pagamento e a evolução do relacionamento entre o consumidor e a empresa.

Por tanto é fundamental oferecer diferentes possibilidades para que as pessoas possam consumir seus produtos ou serviços. Nesse sentido, adotar uma ferramenta que automatize os processos de cobrança pode trazer grandes diferenciais competitivos para o negócio.

Agora que você já sabe quais são as melhores práticas para otimizar a cobrança recorrente da empresa, o que acha de conhecer uma plataforma de gestão automatizada para aprimorar ainda mais esses processos em seu negócio? Entre em contato com a equipe da Asplan para que possamos apresentar as melhores soluções financeiras tecnológicas do mercado!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.